terça-feira, 28 de junho de 2011

O REINO DE DEUS É TOMADO POR ESFORÇO PARTE 3




Depois que Gideão ofereceu o perfeito sacrifício ao Senhor, após ter feito a prova, do novelo de lã, ele se levantou de madrugada, juntamente com trinta e dois mil homens, para ir à batalha contra os Medianitas, os Amalequitas e os povos do Oriente. Deus porem disse a Gideão, muitos são os que estão com tigo, para eu dar vitoria, e entregar o inimigo em sua mão. Diga ao povo, quem for covarde e medroso, volte apressadamente às montanhas de Gileade, então voltaram vinte e dois mil, e ficaram apenas dez mil homens. Veja que Deus não conta com covardes, medrosos, o nosso Deus é o Deus da guerra, ele é chamado o Senhor dos exércitos. O Espirito Santo, é Espirito de poder, não podemos viver uma vida de conformismo, acomodação, a verdade é, quem é cheio do Espirito Santo, tem dentro de se, essa disposição para a guerra, não aceita a derrota, não conforma com a injustiça, não teme o diabo e seus demônios. Infelizmente hoje dentro das igrejas evangélicas, temos visto crentes se refugiando, com medo do diabo, tem até ensinamentos, para que o cristão aceite o domínio dos demônios, uma chamada batalha espiritual, onde a igreja tem sido ensinada, a temer, a ação das trevas, que tragédia, eu me pergunto onde está o LEÃO DA TRIBO DE JUDA. Deus não estava satisfeito com os dez mil.
E disse o SENHOR a Gideão: Ainda há muito povo; faze-os descer às águas, e ali os provarei; e será que, daquele de que eu te disser: Este irá contigo, esse contigo irá; porém de todo aquele, de que eu te disser: Este não irá contigo, esse não irá.
E fez descer o povo às águas. Então o SENHOR disse a Gideão: Qualquer que lamber as águas com a sua língua, como as lambe o cão, esse porás à parte; como também a todo aquele que se abaixar de joelhos a beber.
E foi o número dos que lamberam, levando a mão à boca, trezentos homens; e todo o restante do povo se abaixou de joelhos a beber as águas.
E disse o SENHOR a Gideão: Com estes trezentos homens que lamberam as águas vos livrarei, e darei os midianitas na tua mão; portanto, todos os demais se retirem cada um ao seu lugar. (Juízes 7:4-7) Veja que Deus busca homens e mulheres, que não são acomodados, pessoas que não vive de emoção, hoje as igrejas estão abarrotadas de pessoas, que tem uma fé teórica, fé emotiva. O fato de Deus existir não quer dizer que as pessoas serão abençoadas, outros acreditam que porque estão sofrendo irão chamar a atenção de Deus. Quando falo sobre esse tipo de relacionamento, que os evangélicos tem tido com Deus, sei que muitos ficam chocados, a verdade que, a única voz que Deus respeita é a voz da fé sobre natural. Essa fé sobre natural, só é consumada, quando a pessoa vai até o altar, e entrega o segundo boi. Isso não é para todos, é preciso estar disposto a sacrificar, quando a essa entrega no altar através do verdadeiro sacrificio, ou seja o perfeito sacrificio, então Deus desce e manifesta o seu poder de milagre. A vitória de Gideão se deu pela intervenção sobre natural de Deus, quando nos entregamos no altar, fazemos o nosso sacrifício, Deus com toda a certeza vai fazer o que é impossível para nós, fazemos o natural, nos esforçamos então Deus nos da o seu reino, esse reino é tomado das garras de satanás. 
E disse-lhes: Olhai para mim, e fazei como eu fizer; e eis que, chegando eu à extremidade do arraial, será que, como eu fizer, assim fareis vós.
Tocando eu a buzina, eu e todos os que comigo estiverem, então também vós tocareis a buzina ao redor de todo o arraial, e direis: Espada do SENHOR, e de Gideão.
Chegou, pois, Gideão, e os cem homens que com ele iam, ao extremo do arraial, ao princípio da vigília da meia noite, havendo sido de pouco trocadas às guardas; então tocaram as buzinas, e quebraram os cântaros, que tinham nas mãos.
Assim tocaram as três companhias às buzinas, e quebraram os cântaros; e tinham em suas mãos esquerdas as tochas acesas, e em suas mãos direitas as buzinas, para tocarem, e clamaram: Espada do SENHOR, e de Gideão.
E conservaram-se cada um no seu lugar ao redor do arraial; então todo o exército pôs-se a correr e, gritando, fugiu.
Tocando, pois, os trezentos as buzinas, o SENHOR tornou a espada de um contra o outro, e isto em todo o arraial, que fugiu para Zererá, até Bete-Sita, até aos limites de Abel-Meolá, acima de Tabate.
Então os homens de Israel, de Naftali, de Aser e de todo o Manassés foram convocados, e perseguiram aos midianitas.
Também Gideão enviou mensageiro a todas as montanhas de Efraim, dizendo: Descei ao encontro dos midianitas, e tomai-lhes as águas até Bete-Bara, e também o Jordão. Convocados, pois, todos os homens de Efraim, tomaram-lhes as águas até Bete-Bara e o Jordão.
E prenderam a dois príncipes dos midianitas, a Orebe e a Zeebe; e mataram a Orebe na penha de Orebe, e a Zeebe mataram no lagar de Zeebe, e perseguiram aos midianitas; e trouxeram as cabeças de Orebe e de Zeebe a Gideão, além do Jordão. (Juízes 7: 17-25). Que Deus abençoe poderosamente, seu amigo PR Laerte Brito.

2 comentários:

  1. vejo nesta passagen um grande ensinamento as vezes tem ate pessoas que "crer" em Deus nas igrejas mais não tem uma revelação avulçada de quem é DEUS e nem tem visão aonde querem chegar.
    É igual que aconteceu em Jz 7:5-7 havia "10.000 homens que não acorvadaram poren só 300 que tinha uma visão, pois só quem tem visão se sacrifican para DEUS

    ResponderExcluir
  2. É verdade, isso prova que existem pessoas que são mais abençoadas, não que Deus faz acepção, a diferença esta na entrega, ou seja, aqueles que vão para o altar, sacrificialmente chamam a atenção de Deus

    ResponderExcluir