quinta-feira, 25 de novembro de 2010

ENTRANDO NO CAMINHO DA ADORAÇAÕ.

Portanto há um caminho para chegarmos à adoração, que só pode ser percorrido por aqueles que já passaram pelo altar do sacrifício de Jesus Cristo na cruz do Calvário, pois somente estes que sabem como verdadeiramente dar graças a Deus. A oração de ações de graças deve ser a introdução para todos os nossos momentos de oração, tanto individual como coletivamente.
Portanto, são três tipos de oração, através das quais vamos a Deus por causa de Deus mesmo, para falarmos a Ele sobre Ele mesmo. Primeiro as ações de graças, depois o louvor e em seguida, a adoração, que é o mais íntimo tipo de oração, aliás, é mais do que oração, é relacionamento íntimo com o Pai celestial, por intermédio do novo e vivo caminho que é o sangue de Jesus (Hb 10.19-20). É preciso compreender que há diferenças entre o louvor e a adoração. No louvor há celebração, movimentação, e até barulho santo de palmas e gritos de aleluia, mas na adoração há mais solenidade, contemplação da glória de Deus, pois entramos num nível em que contemplamos pela fé, a beleza do nosso maravilhoso Deus em Sua formosura e santidade, e queremos declarar o quanto o amamos, mas parece que as palavras não são mais suficientes, pelo que choramos,  prostramos por terra, ou rimos de júbilo na Sua maravilhosa presença. Portanto, o louvor é um preparo para alcançarmos o nível mais alto de relacionamento com Deus: a adoração

Nenhum comentário:

Postar um comentário